AQUI A VERDADE!

AQUI A VERDADE!

Sandro Dálio

Minha foto
São Manuel, São Paulo, Brazil
Radialista há 32 anos. Jornalista MTB 37.152 - Proprietário do Porão Stúdios - Foi Radialista na Rádio Clube de São Manuel e na Rádio Nova São Manuel - Apresenta atualmente o 'Passando a Limpo' na Integração FM de São Manuel - Graduado em Marketing - Foi Ouvidor do Município de São Manuel - As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores.

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

VEREADOR FERNANDO FEFÊ QUER QUE A PREFEITURA VOLTE A VALORIZAR ESTUDANTES DO IMES E DA FMR!!!



O Vereador Fernando Fefê está pedindo ao Prefeito Major Rubin a possibilidade da Prefeitura voltar a conceder o reembolso do transporte escolar aos alunos do IMES - Instituto Municipal de Ensino Superior de São Manuel e também para os que estudam na FMR - Faculdade Marechal Rondon.

No novo projeto de lei da Prefeitura, os alunos de Aparecida que estudam na FMR, que tinham direito ao reembolso, foram excluídos. E os que moram em São Manuel e estudam em Aparecida, no IMES, também.

Após a notícia de que esses estudantes seriam excluídos do benefício, Fefê foi procurado por muitos alunos que estão preocupados, pois, com o desemprego em alta e a falta de oportunidades para os jovens, muitos teriam que trancar a matrícula.

"Minha parte estou fazendo, correndo atrás para tentar resolver. Posso até não conseguir, a cidade passa por um momento muito difícil. Mas a vergonha de não ter lutado, isso jamais terei. Os jovens são o futuro da nossa cidade e precisamos investir e acreditar neles. Por isso estou apresentando esse pedido" - disse o Vereador ao Blog Cornetando.

Abaixo o pedido de Fefê:




EM TEMPO

Fernando Fefê, ao lado de Silvio Franco, pediu a lista de estudantes que recebem o benefício.

O Presidente da Câmara, Vereador Odirlei Felix, o Baixinho, afirmou no programa Passando a Limpo, da Integração FM, que a Casa de Leis abrirá uma CEI - Comissão Especial de Inquérito, para apurar se existem irregularidades no reembolso.

Se existirem, Baixinho deixou claro que os culpados responderão na Justiça.

Para ele, caso o reembolso fosse pago a quem realmente precisa, teria verba suficiente para ajudar os estudantes que necessitam do auxílio.


BAIXINHO QUER QUE OS CIDADÃOS SEJAM LIVRES PARA ESCOLHER O TÁXI QUE QUISER!




Existe um decreto municipal de 2003, onde a preferência por uma corrida de táxi fica sempre de acordo com a ordem dos táxis estacionados.

Por exemplo: se você chega no ponto de táxi e quer fazer uma corrida com o Zéquinha, mas quem está estacionado na frente é o Pedrinho, você tem que ir com o Pedrinho. A preferência sempre favorece o que está à frente. Logo, a Preferência do usuário não é respeitada.

O Vereador Baixinho quer que o Prefeito altere esse decreto dando preferência aos usuários.

VEJAM:




Segundo Baixinho, esse pedido da população vem sendo feito diariamente.

É aquela coisa né... o freguês sempre tem razão.

O programa Passando a Limpo fará uma enquete a respeito.


VEREADORES PEDEM ILUMINAÇÃO PARA CAMPO DE FUTEBOL DAS COHABS 1 E 2!


  

Os Vereadores Silvio Franco e Paulo Zaparolli estão pedindo ao Prefeito Major Rubin para que o campo de futebol das Cohabs 1 e 2 seja iluminado.

Os refletores estão lá, faltando apenas a ligação elétrica para que possam funcionar no período noturno.

Segundo Silvio, como está constantemente nas Cohabs 1 e 2, tem recebido esse pedido com frequência.



Os Vereadores, inclusive, estarão com o Prefeito nessa semana para discutirem o assunto, afim de agilizar essa ligação e proporcionar mais lazer aos moradores desses populosos bairros.


JACÓ QUER MUDANÇAS NAS FAIXAS DE PEDESTRES!




Esse é um problema que há tempos vem incomodando os motoristas e também os pedestres.

As faixas de pedestres foram feitas de maneira irregular, mais atrapalhando, do que ajudando.

Acreditamos que as únicas que foram bem feitas foram aquelas próximas ao Auto Posto Canaan.

Na maioria das ruas, as faixas foram feitas no cruzamento com outras ruas, dificultando a visão do motorista que, sem opção, acaba parando em cima dela.

O motorista corre o risco de ser multado e o pedestre não tem como passar pelo local.

O Vereador Jacó, após constatar o problema e receber várias reclamações, está pedindo ao Prefeito para que regularize a situação:



Dessa forma, Jacó quer contribuir para que os direitos dos motoristas e pedestres estejam assegurados e sendo respeitados, como manda o Código Nacional de Trânsito.


VEREADOR ANDRÉ MOSCATELLI QUER MAIS RESPEITO ÀS NOSSAS TRADIÇÕES!!!




A população vem questionando os motivos do porquê o tradicional relógio do Museu de nossa cidade estar parado há anos...

O Vereador André Moscatelli apresenta na Sessão de hoje o pedido ao Prefeito para que recupere o relógio, para que a população possa usufruir desse serviço, além de conservar nossas tradições:



Segundo levantou o Blog, o relógio era consertado por um relojoeiro de Botucatu. Ele estaria com idade avançada, o que teria impossibilitado a manutenção.

A Prefeitura terá que correr atrás para consertar o relógio do Museu. O que não podemos é deixar nossa história minguar e morrer aos poucos.


VEREADORES MICHELETTO E PELÉ QUEREM EXPLICAÇÕES SOBRE SALÁRIOS ATRASADOS NA UNI!!!


  

Os Vereadores Marco Aurélio Micheletto e Evaldo Arruda, o Pelé, querem explicações da Fundação UNI sobre os constantes atrasos no pagamento dos salários dos funcionários.

Por isso, estão solicitando à UNI cópias dos últimos três holerites de pagamento e também do depósito do FGTS e pagamento do INSS.



O programa Passando a Limpo, da Integração FM, entrevistou na semana passa Robson Baptista, gestor administrativo da Fundação, onde, além de responder as perguntas dos ouvintes, esclareceu sobre os atrasos nos pagamentos dos funcionários.

Agora, os Vereadores vão pra cima, pedindo explicações e cobrando soluções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não tema! Diga sua verdade... No final, é sempre ela que prevalece!!!

AS POSTAGENS MAIS ACESSADAS!!! PARA LER QUALQUER UMA DELAS, BASTA CLICAR NA MANCHETE DA NOTÍCIA!

Arquivo do blog

ATENÇÃO!

As matérias assinadas são de total responsabilidade de seus autores.