AQUI A VERDADE!

AQUI A VERDADE!

Sandro Dálio

Minha foto
São Manuel, São Paulo, Brazil
Radialista há 32 anos. Jornalista MTB 37.152 - Proprietário do Porão Stúdios - Foi Radialista na Rádio Clube de São Manuel e na Rádio Nova São Manuel - Apresenta atualmente o 'Passando a Limpo' na Integração FM de São Manuel - Graduado em Marketing - Foi Ouvidor do Município de São Manuel - As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores.

VEM AÍ... A TRADICIONAL "NOITE TROPICAL" DO RECREATIVO SÃO MANUEL!!!

VEM AÍ... A TRADICIONAL "NOITE TROPICAL" DO RECREATIVO SÃO MANUEL!!!

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

SÃO MANUEL PASSA VERGONHA NO PROGRAMA MUNICÍPIO VERDE-AZUL... mais uma vez!!!



Pois é. São Manuel vai mal das pernas no que diz respeito a Esgoto Tratado;
- Lixo Mínimo;
- Recuperação da Mata Ciliar;
- Arborização Urbana;
- Educação Ambiental;
- Habitação Sustentável;
- Uso da Água;
- Poluição do Ar;
- Estrutura Ambiental e
- Conselho de Meio Ambiente.

É o que demonstra nossa posição no ranking do programa estadual Município Verde-Azul.

Desde que Marcos Monti assumiu a Prefeitura, as posições da nossa cidade foram muito abaixo da expectativa. Marcos conseguiu perder para o Baroni e, comparado a Flavinho, é pior que o 7 a 1 na última Copa.

Flavinho conseguiu, num dos anos de sua administração, deixar São Manuel na 1ª posição, um feito extraordinário, já que Marcos Monti conseguiu essas colocações nos últimos anos:

2013 - 317ª posição
2014 - 348º posição
2015 - 289ª posição

Agora, acaba de ser divulgada a nova lista de classificação e São Manuel, mais uma vez, passa vergonha!


VEJAM NOSSA POSIÇÃO:



2016 - 255ª posição

Isso demonstra que nossas políticas de gestão ambiental são erradas e mal organizadas. São Manuel precisa rever o seu plano de ação municipal.

Pratânia e Areiópolis ficaram em posições ainda piores. A tríplice-coroa, formada pelos três municípios mais próximos, apresentaram classificações vergonhosas!


VEJAM:






Já Botucatu, que esteve sempre nas primeiras colocações nos últimos anos, mantem-se como um dos municípios mais fortes nessa área.

No ranking 2016, Botucatu está em 2º lugar!!!


CONFIRA AS 10 PRIMEIRAS COLOCADAS:




Com 98,11 pontos, Botucatu conquistou o segundo lugar do programa Município Verde Azul – ranking 2016, iniciativa da Secretaria Estadual do Meio Ambiente que premia as cidades que apresentam as políticas públicas mais eficientes dentro do Meio Ambiente.




O anuncio foi oficializado em um evento realizado no São Paulo Expo, zona sul da capital, na tarde desta quinta-feira (8). Além do vice-campeonato, Botucatu levou o prêmio Franco Montoro como município melhor ranqueado na Bacia Hidrográfica do Sorocaba e Médio Tietê.

Vale lembrar que a “Cidade dos Bons Ares” já foi campeã deste mesmo programa nos anos de 2012 e 2014, e vice-campeã ano passado. A cidade de Novo Horizonte, que em 2015 já havia alcançado o primeiro lugar, foi novamente campeã do prêmio este ano ao atingir 98,69 pontos.

Nesta nona edição, o programa Município Verde-Azul contou com 317 cidades que apresentaram seus relatórios finais e ações ambientais realizadas. Dentro deste ranking, apenas 78 cidades (25%) foram certificadas com uma pontuação superior a 80,0.

“Isso é um prêmio a todo trabalho conduzido pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente, em parceria com as ONGs, Conselho Municipal de Meio Ambiente, Sabesp e principalmente do prefeito João Cury e vice, Prof.Caldas, que deram todo apoio. Nestes últimos anos nos certificamos o Município em todas as oportunidades, estando sempre entre os dez melhores municípios do Estado. Isso prova que a Prefeitura de Botucatu vem trabalhando firmemente na gestão ambiental do Município, tentando de todas as formas melhorar a qualidade de vida das pessoas”, comenta o secretário municipal de Meio Ambiente, Perseu Mariani.

“Esse prêmio não é de uma pessoa só. Isso passa desde a competente equipe da Secretaria de Meio Ambiente até a participação ativa da sociedade civil organizada. Um prêmio como este envolve uma série de diretivas que a Prefeitura não cumpre sozinha. Uma coisa é você ganhar um prêmio como este em um ano, isoladamente.

Outra coisa é você ficar ano após ano entre os melhores do Estado, mostrando que uma cidade pode se desenvolver, gerar crescimento econômico, de forma sustentável e respeitando o meio ambiente. Por isso podemos afirmar que hoje Botucatu se firma como uma das cidades mais prestigiadas na área do Meio Ambiente”, avalia o prefeito João Cury Neto.


Sobre o programa

Lançado em 2007, pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, o Programa Município Verde Azul (PMVA) tem o inovador propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental.

Assim, o principal objetivo dele é estimular e auxiliar as prefeituras paulistas na elaboração e execução de suas políticas públicas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do Estado de São Paulo. A participação de cada um dos municípios paulistas ocorre com a indicação de um interlocutor e um suplente, que serão o elo de comunicação entre o município e  a Secretaria de Estado do Meio Ambiente.

As ações propostas pelo programa compõem dez diretivas norteadoras da agenda ambiental local, abrangendo os seguintes temas estratégicos: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Cidade Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho Ambiental.

Para a realização do seu objetivo, o PMVA oferece capacitação técnica aos interlocutores indicados pela municipalidade e, ao final de cada ciclo anual, publica o “Ranking Ambiental dos municípios paulistas”.


DETRAN FISCALIZA DESMANCHES EM SÃO MANUEL E BOTUCATU!!!




O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran) fiscalizou na terça-feira (6) estabelecimentos que comercializam peças automotivas usadas, os chamados desmanches, em dois municípios da região. Três foram interditados por irregularidades e outros três autuados por estarem com o alvará de funcionamento vencido.

A operação foi realizada em conjunto com as Polícias Civil e Militar e equipes das prefeituras. Em Botucatu, os três estabelecimentos comerciais do ramo de desmanche vistoriados durante a operação foram lacrados por estarem em desacordo com o que prevê as leis estadual e federal que regulamentam o setor.

“Essas empresas responderão a processo administrativo, com direito a ampla defesa, e, eventualmente, poderão ser reabertos de acordo com o resultado do processo. Entre as penalidades previstas estão: interdição do estabelecimento, perda dos bens (peças), multa e a cassação da inscrição no cadastro de contribuintes do ICMS por parte da Secretaria da Fazenda, dependendo do caso”, explica o Detran.

Em São Manuel, três desmanches fiscalizados estavam com o credenciamento regular junto ao Detran, mas foram autuados pela prefeitura por estarem com o alvará municipal de funcionamento vencido. Até o início deste mês, em todo o Estado, existiam cerca de 1,3 mil empresas credenciadas no segmento de desmanche.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não tema! Diga sua verdade... No final, é sempre ela que prevalece!!!

AS POSTAGENS MAIS ACESSADAS!!! PARA LER QUALQUER UMA DELAS, BASTA CLICAR NA MANCHETE DA NOTÍCIA!

Arquivo do blog

ATENÇÃO!

As matérias assinadas são de total responsabilidade de seus autores.