AQUI A VERDADE!

AQUI A VERDADE!

Sandro Dálio

Minha foto
São Manuel, São Paulo, Brazil
Radialista há 31 anos. Jornalista MTB 37.152 - Proprietário do Porão Stúdios - Foi Radialista na Rádio Clube de São Manuel e na Rádio Nova São Manuel - Graduado em Marketing - Ouvidor do Município de São Manuel - As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

EITA NÓIS!!! FUNCIONÁRIO DO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UNESP DE BOTUCATU FURTOU CELULARES E RELÓGIO DE PACIENTES!!! Ele acabou preso!!!



Os policiais militares, cabo Rosa e soldado Inoue, com apoio do sargento Ronaldo e soldado Heitor, prenderam neste domingo, 25, um funcionário do Hospital das Clínicas de Botucatu, suspeito de ter furtado 3 celulares e um relógio de pacientes durante a manhã.

A PM foi acionada, depois que um homem, que teria sido submetido a exame de Raio-X, reclamou que o celular e o relógio havia sumido.

Uma testemunha relatou que um técnico de radiologia foi até o quarto para fazer o procedimento, mas que não havia o pedido de exame para esse paciente. Diante dessas informações, Luciano Granatto Lopes, de 34 anos, foi indagado pelos policiais e negou os fatos, se revoltando com a acusação.

Diante da atitude do homem, ele foi levado ao Plantão Policial, onde o delegado ordenou que o armário dele fosse revistado. De volta ao hospital, em averiguação no armário, os PMs localizaram 3 celulares e o relógio, dois deles de vítimas que haviam reclamado a falta dos aparelhos e o terceiro ainda não se sabe de quem seria.

Luciano disse que é funcionário do HC há 14 anos e confessou o crime. Ele foi autuado em flagrante por furto e o delegado plantonista arbitrou fiança de R$ 3 mil, a qual não foi paga pelo suspeito, que foi levado à cadeia de Itatinga, onde ficou à disposição da Justiça.

Um dos celulares foi devolvido a uma das vítimas, já que a outra pessoa lesada estava passando por cirurgia no momento da ocorrência e será avisada depois do procedimento que o celular foi recuperado. O Acontece Botucatu entrou em contato com o Hospital das Clínicas, que se posicionou sobre o fato através de uma nota enviada por sua assessoria de comunicação.

“A Superintendência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina (HCFMB) lamenta profundamente a ocorrência de furto em suas dependências, fato que culminou na prisão do funcionário Luciano Granatto Lopes na tarde de hoje. O HCFMB informa que adotará as providências administrativas e legais pertinentes ao caso”, diz a nota.


CÃO MORRE DURANTE BANHO EM PET SHOP DE SÃO MANUEL!!!



Um cachorro de um ano e três meses morreu enforcado em um pet shop de São Manuel enquanto tomava banho, segundo a versão dos responsáveis pelo estabelecimento, versão contestada pelos donos do animal.

A informação é de que Theo, como era chamado, estava na mesa e teria pulado, mas como portava coleira, ficou pendurado e teria morrido enforcado.

O caso aconteceu na última quinta-feira (22), mas o cadáver teria sido ocultado pelo pet shop até no sábado dia 24 e só foi entregue após os donos se comprometerem a não denunciar o caso à Justiça.

A Dona do Theo contou à reportagem da Rádio Integração FM que entregou o cachorro, na segunda-feira, para que ele fosse banhado no pet shop “Shopping do Pássaros” e, horas depois, foi informada que Theo teria pulado pela janela do veículo que o levava de volta e fugiu, nas imediações do bairro da Conquista.

Diante da notícia, a dona do animal passou a fazer buscas pelo bairr,o acompanhada pela funcionária do pet shop que estava no carro no momento da fuga, mas que apresentava versões contraditórias.

Tânia Balsamo, dona do animal, por dois dias procurou pelo Theo sem sucesso.
Decidiu então registrar um Boletim de Ocorrência com a finalidade de apurar as responsabilidades.

Na delegacia, o responsável pelo banho e tosa confirmou a fuga do cachorro e afirmou estar fazendo buscas no sentido de encontrar o cachorro.


A Morte

Através de uma pessoa, que afirmava ter ouvido da filha do dono do pet shop que o cachorro estava morto, no sábado pela manhã, acompanhada por familiares, foi até o estabelecimento e, depois de muita insistência pelo corpo do animal e, após prometer não procurar a Justiça, ela recebe a informação que o corpo do cachorro teria sido jogado em um matagal.

Minutos depois o corpo foi entregue dentro de um saco de ração!

O que chamou a atenção, segundo relatos da dona do cachorro, é que embora ele tenha morrido na quinta-feira, o corpo não estava enrijecido (duro).

Indignada com o que classificou de descaso, a família mandou o corpo do cachorro para o hospital veterinário da Unesp de Botucatu para ser periciado.

Em sua defesa o proprietário da loja emitiu uma nota de esclarecimento. (confira abaixo)


Nota de Esclarecimento:


O shopping dos Pássaros vem através deste comunicado esclarecer que não possui nenhuma ligação com o Pet Shop Banho e Tosa.
Apenas loca o espaço onde funciona o Pet Shop, sendo que ambas as empresas possuem CNPJs e proprietários distintos.

Esclarece ainda que não tem nenhuma ligação ou envolvimento com o triste episódio envolvendo o falecimento deste cachorro.
Externa os mais profundos sentimentos e ratifica que jamais teve seu nome envolvido em episódios como esse.
Coloca-se à disposição para qualquer esclarecimentos.
Atenciosamente,
Shopping dos Pássaros.

A Polícia Civil vai investigar o caso.

(Rádio Integração FM – São Manuel)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não tema! Diga sua verdade... No final, é sempre ela que prevalece!!!

AS POSTAGENS MAIS ACESSADAS!!! PARA LER QUALQUER UMA DELAS, BASTA CLICAR NA MANCHETE DA NOTÍCIA!

Arquivo do blog

ATENÇÃO!

As matérias assinadas são de total responsabilidade de seus autores.